interação

Dicas de Exposições do Andarilha

Em minhas andanças pelo projeto Andarilha, passo em exposições de arte, fotografia, moda, arquitetura, design. Algumas delas eu indico a visita pela hashtag #PassoAqui. É só seguir a gente lá no instagram (@_andarilha_) e acompanhar nossos passos ;]

Por aqui, compartilho algumas das dicas:

Ocupação Elomar: no itaú cultural, uma casa sertaneja é montada para contar a história do compositor, músico e arquiteto Elomar Figueira Mello. Até 23 de agosto. Mais informações aqui: www.itaucultural.org.br/programe-se/agenda/evento/ocupacao-elomar/

Bailes do Brasil: na Solar Marquesa de Santos  [Rua Roberto Simonsen, 136 – Sé], os curadores Jum Nakao e Ricardo Feldman transformam 6 salas em um verdadeiro baile. Como baile bom é baile cheio, foram selecionadas 230 fotos que mostram a relação dos nossos trajes com a ginga brasileira. Imperdível! Até 25 de outubro. Para saber mais, leia lá no Andarilha: projetoandarilha.com/bailesdobrasil

A experiência da arte: no Sesc Santo André, vale a visita. A exposição é um lugar de experimentar e é isso mesmo que o visitante (seja ele a criançada ou os adultos brincantes) é convidado a interagir e sentir obras de importantes artistas contemporâneos, como Vik Muniz, Ernesto Neto e Wlademir Dias- Pino. Para saber mais: www.sescsp.org.br

—-

Quem quiser indicar exposições também, é só usar #PassoAqui ou tagear nosso Instagram!

 

 

 

 

CLOUD by Caitlind Brown

Uma nuvem feita de 6mil lâmpadas pelo artista Caitlind Brown [via]

1 Comentário | Categoria(s): arte, interação

Confessions by Candy Chan

1 Comentário | Categoria(s): arte, interação

São Paulo: Carlos Cruz Diez na Pinacoteca

Se você ainda não foi conferir essa exposição, vá! Não adianta eu colocar fotos dos quadros aqui e você achar bonito. É preciso descobrir, no constante vai e vem do corpo de um lado a outro do quadro, que a arte de Cruz Diez é um parangolé para os olhos. Um quadro chapado e liso se transforma em diversos quadrados coloridos, ou ainda, num degradê de cores. Ao final do corredor, 3 ambientes coloridos te convidam a entrar na obra. Se você é como eu, tirou várias fotos (até pulou em várias delas) e fez vários quadros. <3

 

Mesa&Cadeira#4: do.good.is

A ideia da Mesa&Cadeira é simples: uma equipe de excelente profissionais que vão botar a mão na massa durante 5 dias (pra não dizer madrugadas) para apresentar no sexto dia um projeto liderado por profissional foda. A quarta edição contou com o pessoal da GOOD, empresa de mídia que publica uma revista e organiza eventos no lema: uma coisa boa por dia ;]

O briefing não podia ser melhor: construir uma plataforma colaborativa de ações positivas. O resultado está online: do.good.is Se você quiser ajuda para tirar um projeto da gaveta, ou mesmo participar de algum que já está lá, do it!

E um brinde de caneca para nossos participantes queridos!

1 Comentário | Categoria(s): blogs, interação, web

Check In on Imaginary Places

Imaginaria – Check in at imaginary places from JWT Brazil Cannes 2012 on Vimeo.

Se você pudesse dar check-in nos universos literários, onde seria? Camelot, Wonderland, no Lago de Hogwarts?

“A Livraria da Vila, rede instalada em São Paulo, parece ter encontrado uma interessante resposta ao criar o Imaginaria. Trata-se de um aplicativo que permite ao usuário fazer – a exemplo do Four Square – check in em seus lugares preferidos. Com uma importante diferença: neste aplicativo o check in é feito em lugares imaginários”. [via]

Obrigado, Anita!

Google 2012





Google (2012) from Ben West on Vimeo.

Os artistas londrinos Ben West e Felix Heyes substituíram as 21.000 palavras de um dicionário pelas imagens que apareciam como resultado dessas palavras numa pesquisa ao google. O resultado é esta enciclopédia Google, amei!

Conexão Cultural SP no MIS

Começou com uma parede e algumas linhas. Terminou transbordando de declarações de amor a cidade. “O que você ama em São Paulo?”, projeto da Rafaela Ranzani e meu feito durante a Mesa#3, participou como uma das obras da segunda edição do Conexão Cultural São Paulo que acontece no MIS (Avenida Europa, 158 – Pinheiros) de 9 a 22 de julho junto há vários projetos incríveis:

Pimp My Carroça 2012 // Catarse.me from Parede Viva on Vimeo.

Pimp my Carroça: Se São Paulo ainda não se afogou em seus próprios resíduos urbanos recicláveis, é porque há um trabalho quase invisível de cerca de 16 mil pessoas que sobrevivem honestamente da coleta de materiais recicláveiscom suas carroças. E, se existem tantos cidadãos trabalhando nessas condições precárias é porque ainda faltam oportunidades e sobra o descaso do Poder Público com os resíduos sólidos que produzimos. É com arte, cultura e humor, que o Pimp My Carroça, uma ação colaborativa, independente e financiada coletivamente na internet, aproxima a população da realidade dos catadores.

Mais amor, por favor: “No decorrer do tempo, a frase ganhou dimensão, repercursão e aliados, se transformou em um organismo vivo. Saiu de São Paulo, está estampando muros de diversas cidades, inclusive fora do Brasil. Através da internet, ganhou mais divulgação e vida. Está em blogs, tumblrs, flickrs, twitter e facebook. Se tornou inspiração para poesia, música, fotografia e até mesmo tirinhas de jornal. Abriu uma discussão sobre a necessidade de um princípio básico para vivermos em comunidade. Aplique o amor em doses diárias, compartilhe respeito, solidariedade, generosidade, gestos de gentileza, carinho, sorria. Mais amor por favor.”

Aqui bate um coração: intervencão urbana dos quatro amigos de São Paulo (Carla Meireles, Gabi Brites, Rodrigo Guima e Tati Weberman) que se espalhou pelo mundo!

2 Comentários | Categoria(s): arte, interação

“O que você ama em Sp” no Conexão Cultural

Pode ser que você nem ame a cidade em que mora. Você deve está cansado das dificuldades da cidade, do caos, da super lotação, do clima. Mas tem sempre alguma coisa que a gente ama. Especialmente, se você mora em São Paulo. Esse exercício é diário: descobrir pequenos prazeres. Uma comida especial, um lugar para dançar, os amigos que sempre se encontram em tal bar, um cantinho que vende os melhores doces, o melhor parque para passear, e por ai vai.

O que eu e a designer Rafaela Ranzani amamos em São Paulo é justamente que todo mundo tem um segredo para contar sobre a cidade. Com o projeto: “O que você ama em São Paulo?” buscamos compartilhar todos estes segredos coletando as mais diversas declarações de amor das pessoas nas ruas. Agora, você também pode dizer o que ama em São Paulo enviando a resposta pra gente pelo hashtag #oquevoceamaemsp, mandar uma foto, um texto, um desenho pelo tumblr oquevoceamaemsp.tumblr.com, e seguir as respostas pelo twitter!

Essas respostas e muitas outras estarão expostas lá no MIS (Museu de imagem e som) no Conexão Cultural que acontece de 9 a 22 de julho em São Paulo. Espero todos lá!

Comente | Categoria(s): interação, tendências

I love NY

O que você ama em NY – em desenhos. Morri!

Related Posts with Thumbnails